Últimas notícias

Professores da rede estadual em São Paulo decidem manter a greve.

Em greve há mais de duas semanas, professores da rede estadual devem ganhar reforço dos professores municipais, que prometem paralisar aulas.

Os professores da rede estadual de São Paulo decidiram em uma assembléia na sexta feira, manter a paralisação que já dura mais de duas semanas. Os professores fizeram o protesto no vão livre do Museu de Arte de São Paulo (MASP), a Policia Militar calculou cerca de 6 mil pessoas presentes no local, podendo falar que havia professores de todos os estados. Os professores fizeram uma grande passeata até a secretaria de Gestão e se encerrou em frente a Secretaria estadual de Educação.
 A PM calculou cerca de
6 mil pessoas presentes no local!
As reivindicações está o reajuste salarial de 36,74% e complementação do aumento referente a 2012, de 10,2%, além do cumprimento de no mínimo 33% como determina a Lei do Piso. A categoria reivindica reposição salarial de 36,74%. A Secretaria Estadual da Educação oferece reajuste de 8,1%. O sindicato diz que o aumento proposto pelo governo significa, na prática, reajuste de 2%, após desconto da inflação. 
 A secretaria de educação classificou a ação do sindicato como enganosa, ao criticar a sua campanha publicitária que orientava os pais a não levarem seus filhos para a escola. "A veiculação da nova peça publicitária na internet e na televisão induz enganosamente os responsáveis pelos alunos a acreditarem que as faltas de seus filhos garantirão reposição de aulas", disse em nota. O sindicato garante a legitimidade da propaganda e pede a participação dos pais e dos estudantes na mobilização dos professores.


“O ensino médio público já foi sucateado há muito tempo. Um fato alarmante é que as universidades federais estão indo pelo mesmo caminho e de maneira muito acelerada. Daqui a 10 anos, só irá estudar mesmo quem tiver dinheiro, ai não terá choro.” diz uma educadora durante a assembléia em São Paulo.
Um caixão cruzava a avenida Paulista na tarde desta sexta-feira(3) para representar 'a morte da educação'. Professores estaduais bloquearam a via para cobrar melhores salários






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de quem os publica e estão sujeitos a moderação caso não sejam pertinentes ao assunto. Para entrar em contato direto com a redação acesse: www.clickcurvelo.com/contato

Click Curvelo Designed by Templateism.com Copyright © 2013 - 2016

Imagens de tema por Jason Morrow. Tecnologia do Blogger.